O cantor antecipou seus trabalhos e lançou, no dia 23 de maio, o clipe e single “”, com direção artística e montagem de Felipe Nepomuceno. Aos 40 anos, ele está com seu terceiro disco solo, . O disco chega hoje (27) aos serviços de streaming, pelo selo carioca RockIt!.

Guiado por uma sinceridade desinibida, Callado encara a vida de frente em “Só Por Hoje”. Como um mantra, ele entoa a vontade de não se render aos vícios vivendo um dia de cada vez. Os vocais do próprio artista se intercalam e multiplicam, enquanto Marcelo se divide em cordas, piano, tambores, percussões – uma constante ao longo do disco.

A música começa com um piano e em inglês e depois embala em uma instrumentação intensa, com colagens de quadros frenéticos. Marcelo mantém o olhar fixo para quem o assiste do outro lado da telinha, buscando reencontrar a calma após o turbilhão.

“Só por Hoje” é o primeiro single do disco Caduco. O projeto foi desenvolvido em 10 dias, num trabalho intenso. No estúdio, junto com o co-produtor Martin Scian, eles transformavam e lapidavam as composições para que dialogassem com os desafios nossos de cada dia.

Sem mais artigos