Capa-Batmóvel-300x220A Panini Books coloca nas livrarias uma edição luxuosa com um dossiê completo sobre o Batmóvel, também conhecido como o carro do Batman. O livro Batmóvel: A História Completa aborda desde o sedã de sua primeira aparição em 1939 até a versão “tanque de guerra” de Batman – O Cavaleiro das Trevas, no filme de Christopher Nolan.

A pesquisa é de Mark Cotta Vaz e traz detalhes do carro nos quadrinhos, cinema e TV. Um dos prefácios é de Nathan Crowley, desenhista de produção dos filmes de Nolan.

O livro tem 152 páginas e formato grande (29,2x23cm). O preço é aquele típico para colecionador: R$ 72.

Veja algumas das versões do Batmóvel:

Na primeira vez que apareceu, em 1939, era um sedã vermelho todo elegante.

Na primeira vez que apareceu, em 1939, era um sedã vermelho todo elegante.

Versão de 1944, toda espalhafatosa.

Versão de 1944, era um cadillac todo espalhafatoso.

Nos anos 1960, Batman de Adam West dirigia essa versão camp meio tosca.

Nos anos 1960, Batman de Adam West dirigia essa versão camp meio tosca.

A versão de 1975 era um tantinho mais sóbria.

A versão de 1975 era um tantinho mais sóbria.

O modelo mostrado no longa de Tim Burton, em 1989, é considerado um dos mais famosos.

O modelo mostrado no longa de Tim Burton, em 1989, é considerado um dos mais famosos.

O Batmóvel da série animada dos anos 1990 é considerado um dos melhores.

O Batmóvel da série animada dos anos 1990 é considerado um dos melhores.

O mais horrendo de todos, do filme mais flopado do Homem-Morcego, Batman Eternamente (1995)

O mais horrendo de todos, do filme mais flopado do Homem-Morcego, Batman Eternamente (1995)

Nos longas de Christopher Nolan, o batmóvel mais parece um tanque de guerra.

Nos longas de Christopher Nolan, o batmóvel mais parece um tanque de guerra.

Sem mais artigos