Foto: Getty Via Stereogum

Os dois membros remanescentes do Beastie Boys, Michael “Mike D” Diamond e Adam “Adrock” Horovitz, divulgaram um texto oficial sobre a morte do colega MCA. Veja abaixo na íntegra, e aqui na versão em inglês original.

É com grande tristeza que confirmamos que o músico, rapper, ativista e diretor Adam “MCA” Yauch, membro fundador do Beastie Boys e também da Fundação Milarepa, que produziu shows beneficentes Tibetan Freedom, e fundou a produtora e distribuidora Oscilloscope Laboratories, faleceu em sua terra natal, Nova York nesta manhã depois de uma batalha de quase três anos contra o câncer. Ele tinha 47 anos de idade.

Nascido no Brooklyn, Nova York, Yauch aprendeu sozinho a tocar baixo na escola, formando uma banda para sua festa de aniversário de 17 anos, que mais tarde seria conhecida no mundo inteiro como Beastie Boys.

Com os colegas Michael “Mike D” Diamond e Adam “Adrock” Horovitz, os Beastie Boys venderam mais de 40 milhões de discos, lançaram quatro álbuns em primeiro lugar nas paradas -incluindo o primeiro álbum hip hop chegar ao topo da Billboard 200, com a estreia da banda em LP em 1986, Licensed To Ill, ganharam três Grammys, e um prêmio de vanguarda artística da MTV. No mês passado, os Beastie Boys foram introduzidos no Rock & Roll Hall of Fame, com Diamond e Horovitz lendo um discurso de aceitação em nome de Yauch, que não pôde comparecer.

Além de sua participação na criação de álbuns históricos dos Beastie Boys, como Paul’s Boutique, Check Your Head, Ill Communication, Hello Nasty entre outros, Yauch foi um dos fundadores do Fundação Milarepa, uma organização sem fins lucrativos dedicada à promoção do conhecimento e ativismo em relação à injustiças perpetradas aos tibetanos nativos pelo governo de ocupação chinês e suas forças militares. Em 1996, Milarepa produziu o primeiro Concerto da Liberdade no Golden Gate Park, em São Francisco, que foi assistido por 100.000 pessoas, tornando-se o maior show beneficente em solo americanos desde 1985 com o Live Aid. A série de shows do Tibetan Freedom Concert continuaria como um dos mais significativos shows beneficentes em todo o mundo por quase uma década, acontecendo em Nova York, Washington DC, Tóquio, Sydney, Amsterdam, Taipei e outras cidades.

Na esteira do 11 de Setembro de 2001, Milarepa organizou o New Yorkers Against Violence (Nova-Iorquinos Contra a Violência), um evento encabeçado pelos Beastie Boys no New York’s Hammerstein Ballroom, com a renda destinada ao New York Women’s Foundation Disaster Relief Fund e ao New York Association for New Americans ( NYANA), fundos do 11 de setembro para os novos-americanos. Cada organização foi escolhido por seus esforços em nome das vítimas do 11/9 e por terem menor probabilidade de receber ajuda de outras fontes.

Sob o pseudônimo de Hornblower Nathanial, Yauch dirigiu vídeos icônicos dos Beastie Boys, incluindo “So Whatcha Want,” “Intergalactic,” “Body Movin” e “Ch-Check It Out.”. Sob o seu próprio nome, dirigiu Fight For Your Right Revisited, uma versão estendida para “Make Some Noise” retirado do álbum “Hot Sauce Committee Part Two”, estrelado por Elijah Wood, Danny McBride e Seth Rogen como os Beastie Boys, em 1986. Eles seguem por meia hora de desventuras até baterem de frente contra Jack Black, Will Ferrell e John C. Reilly interpretando os Beastie Boys do futuro.

A paixão e o talento de Yauch para o cinema levou à fundação do Oscilloscope Laboratories, que em 2008 lançou seu primeiro filme como diretor, Gunnin’ For That #1 Spot e tornou-se uma força importante na distribuição de vídeo independente, acumulando um catálogo de títulos aclamados como Wendy and Lucy, de Kelly Reichardt, The Messenger, de Oren Moverman, Exit Through The Gift Shop, de Banksy, Tell Them Anything You Want: A Portrait Of Maurice Sendak, de Spike Jonze e Lance Bangs e muito mais.

Yauch deixa a esposa e sua filha Dechen Tenzin Losel, bem como seus pais Francisca e Noel Yauch.

Sem mais artigos