Depois de vários anos, mais um livro do quadrinhista Gilbert Shelton chega às livrarias, pela editora Conrad. Not Quite Dead – O Último Show é o novo lançamento do criador dos Freak Brothers. O livro é uma sátira sobre fundamentalismo religioso e o imperialismo do Ocidente, estrelada por um Cadillac e pela banda de rock menos famosa do mundo.

Com forte crítica social e muito humor e senso de absurdo, o livro coloca os personagens da banda em uma turnê internacional. Na verdade um país remoto do qual ninguém ouviu falar. O que eles não sabem é que eles foram mandados por uma agência do governo para causar distúrbios no local.

Ícone do underground americano, Shelton trabalhou em títulos como Help, do cartunista Harvey Kurtzman. Em 1967, ele e colegas da época (todos hippies doidões do Texas) decidiram comprar uma impressora industrial para criar sua própria editora, a Rip Off Press, de onde saíram os primeiros números da revista dos Fabulous Furry Brothers.

Shelton esteve no Brasil em 2010, ao lado de outro expoente das HQs underground, Robert Crumb. Eles participaram da Festa Literária Internacional de Paraty, no Rio de Janeiro.

Gilbert Shelton autografando na comic shop americana Forbidden Planet (Divulgação)

Not Quite Dead – O Último Show tem 48 páginas, capa cartonada e custará R$ 29,90. A editora promete o lançamento para este mês.

Sem mais artigos