O filme Juno, de Jason Reitman mostrou mais indícios de quem pode surpreender no Oscar desta noite e ultrapassar os grandes Sangue Negro, Onde Os Fracos Não Tem Vez e Desejo e Reparação. Além de Melhor Filme, o filme também faturou Melhor Atriz para Ellen Page e Melhor Roteiro para Diablo Cody.

O Spirit é considerado o prêmio mais importante do cinema indepedente americano e serve como um termômetro para o Oscar. Juno vem crescendo nas apostas para ser o grande azarão logo mais. Pelo menos nas bilheterias já saiu na frente. Conseguiu até quinta-feira mais de US$ 125 milhões (R$ 213,5 milhões) nos Estados Unidos e Canadá com 11 semans em cartaz. É o dobro do arrecadado por Onde Os Fracos Não Tem Vez“, o triplo de Conduta de Risco e Desejo e Reparação, e quatro vezes mais que Sangue Negro.

No Brasil ficou três semanas em pré-estréia e estreou na última sexta-feira.

Sem mais artigos