Foto: Giselle Rosa.

Foto: Giselle Rosa.

Sete meses após lançar o seu primeiro álbum solo, , do Novanguarda, lança uma série de EPs em paralelo à sua trilogia de discos iniciada em abril.

Apostando nas influências que vão do rock psicodélico até o folk e o tropicalismo, o EP Sonhos e Ruídos sai pelo digital do Discobertas. Gravado entre setembro e novembro de 2016 com a mesma base da banda que foi formada no álbum A Ilha Da Inconsciência No Espelho ,Polifônico Das Bifurcações Do Tempo, Ferraz mantém o clima experimental, dessa vez com menos sopros e mais guitarras.

O álbum foi produzido pelo próprio Júlio Ferraz, talvez hoje um dos artistas mais prolíficos do Recife, e tem a capa assinada pela artista capixaba Kahren Biancca. Ouça abaixo no Youtube ou nas plataformas de streaming.

Sem mais artigos