Johnny Hooker em retrato de Erica Colaco.

em retrato de Erica Colaco.

Dois dos principais nomes do pop nacional se apresentam no Recife nesta sexta (10). Johnny Hooker e mostram seus novos trabalhos no Baile Perfumado, casa de shows que completa três anos. Hooker vive ótima fase com seu disco de estreia solo, Eu Vou Fazer Uma Macumba Pra Te Amarrar Maldito, enquanto Tulipa Ruiz retorna com seu álbum todo orientado ao remelexo, Dancê.

Leia Mais
Como foi o show de Johnny Hooker no Parque Dona Lindu
Entrevista Johnny Hooker: a (re)descoberta do pop nacional
Crítica: Johnny Hooker conta histórias de paixão e desejo
Crítica: Tulipa lança disco dançante, longe do óbvio

O trabalho de Hooker aposta em uma paixão à flor da pele e interpretações dramáticas. Quem viu seus shows sabe que a teatralidade é parte importante do trabalho do músico. Também estão presentes no disco um Recife underground, visceral, sujo, de personalidade forte. “Acho que Recife tem uma energia muito carregada. Existe algo no ar, e as noites selvagens da cidade exprimem um pouco isso. As pessoas são selvagens, são carregadas de sexualidade, de ritmo. De uma melancolia profunda também. Tudo é intenso”, disse Johnny em entrevista à Revista O Grito!. Com um turnê que já passou pelas principais cidades brasileiras, Johnny Hooker vive um merecido reconhecimento dentro do pop nacional.

Tulipa se reinventou. (Foto: Divulgação).

Tulipa se reinventou. (Foto: Divulgação).

Tulipa, assim como Hooker, é uma artista que traz nas interpretações seu principal trunfo. Ela se reinventa com Dancê, o mais dançante dos seus trabalhos. “É um disco para se deixar levar”, como explica o produtor Gustavo Ruiz, que é irmão da cantora. A sonoridade também aposta em uma atmosfera mais encorpada, com presença de metais e sopros.

Os shows de Tulipa Ruiz e Johnny Hooker começam às 22h e custam R$ 80 (inteira) e R$ 40 (meia). O ingresso social é R$ 60. DJ Patrick Tor4 discoteca antes e depois das apresentações.

Sem mais artigos