johnandyoko

Quando você acha que já foi publicado tudo sobre os Beatles, sempre aparece uma novidade em formato de livro, disco, single ou vídeo que ainda não havia chegado a público. A bola da vez é “Imagine” (Editora Globo, 2008), a biografia de John Lennon pelas palavras de sua irmã. Contando detalhes nunca conhecidos da infância do melhor beatle (na minha humilde opinião, é claro!), ela revela um outro lado da relação do músico com a mãe e a tia, além de fotos de seu arquivo pessoal.

Aproveitando o post sobre os Beatles, outra dica de livro é “Lembranças de Lennon” (Editora Conrad), que nada mais é do que a publicação na íntegra da polêmica entrevista que o ex-beatle deu em 1970, logo depois do término da banda, a Jann Wenner, editor e chefão da Rolling Stone. Lennon está nu: fala mal de Paul, de George, além de alfinetar Mick Jagger (dizendo que ele dança como uma bicha louca) e Bob Dylan; declara seu amor verdadeiro e incondicional por Yoko (que também participa da entrevista com comentários desnecessários); conta detalhes de seus processos, medos, terapias e histórico familiar, além de descrever sua postura como músico e suas experiências com as drogas (sabia que “She said She said”, do Revolver, é uma música totalmente inspirada numa viagem com ávido?). Vale a pena pra quem curte o fab four. Pelo menos até surgir mais alguma novidade rentável com o nome da banda. Mas enquanto Paul estiver vivo, pode ter certeza de que os Beatles vão continuar rendendo milhões – pra ele, é claro.

P.S.: minha estréia tinha que começar com Beatles, não teve jeito!

Sem mais artigos