manga22

O mundo do mangá japonês gay erótico é hipermásculo, lascivo, exagerado e muito, muito pouco conhecido. A importância desse trabalho veio à superfície pela extensa pesquisa dos norte-americanos Anne Ishii e Graham Kolbeins, que lançam no exterior Massive: Gay Erotic Manga and the Men Who Make It.

A obra faz um panorama da produção gay no mangá a partir do trabalho de nove artistas que se dedicaram a criar obras para o público gay japonês. Seizoh Ebisubashi, Kazuhide Ichikawa, são alguns dos nomes presentes no livro, que sai pela Fantagraphics.

Massive é indispensável para quem é pesquisador do mangá, mas também para quem curte descobrir artistas militantes do underground na arte dos quadrinhos. O livro tem 280 páginas e custa 35 dólares (pode ser encomendado para o Brasil).