Revista O Grito!

Jazz Metal — Por Paulo Floro

Categoria: Cofre (Página 1 de 4)

Caixa de 75 anos da Marvel Comics é o maior artigo de luxo das HQs este ano

caixa-marvel-5

A Marvel divulgou detalhes da caixa comemorativa dos 75 anos da editora. Olhem o nível do luxo: 10 volumes em capa dura, um livro-pôster ilustrado por Alex Ross e assinado por Stan Lee e um layout que faz referência à mansão dos Vingadores.

A caixa Marvel Famous Firsts: 75th Anniversary Masterworks chega às comic-shops norte-americanas nesta semana e pode ser importada pela Amazon e outros e-commerces, além de grandes livrarias aqui no Brasil. O preço, segura aí: 500 dólares (cerca de R$ 1.200).

caixa-marvel-1

caixa-marvel-4

caixa-marvel-2

Bidu – Caminhos, HQ autoral baseado em obra de Maurício de Sousa, chega às bancas

Bidu-Caminhos-preview-8

Uma das HQs nacionais mais aguardadas do ano, Bidu – Caminhos chega esta semana às bancas. Este é mais um lançamento da coleção Graphic MSP, que traz histórias autorais com personagens de Maurício de Sousa.

A obra baseada no personagem Bidu é assinada por Eduardo Damasceno e Luis Felipe Garrocho, autores de Achados e Perdidos. A HQ foi um dos lançamentos da série anunciados durante o Festival Internacional de Quadrinhos (FIQ), em Belo Horizonte, em novembro do ano passado.

Além de Bidu – Caminhos, ainda estão previstos para 2014 os lançamentos de Papa-Capim, de Marcela Godoy e Renato Guedes; Turma da Mata, por Greg Tocchini, Davi Calil e Artur Fujita; Penadinho, por Paulo Crumbim e Cristina Eiko, e o segundo volume de Astronauta – Magnetar, de Danilo Beyruth.

Bidu-Caminhos-preview-6

Bidu-Caminhos-preview-1

Bidu-Caminhos-preview-4

Cofre: Nova edição de luxo de Eternauta (na França!)

Eter

Chega na França, pelo selo Vertige Graphic, uma nova edição de O Eternauta – O Retorno, clássico da ficção-científica argentina, foi escritor por Hector Oesterheld e Pol Maiztegui, com desenhos de Solano López. A HQ terá capa dura, formato 21×29,5 cm e páginas internas em preto e branco.

A obra mostra a repercussão de uma invasão alienígena ocorrida há 40 anos. A obra é tida como uma alegoria política para o período de exceção da época da ditadura militar na Argentina. A obra foi editada pela primeira vez a partir de 1957. Em 1965, uma nova versão chegou às livrarias com desenhos de Alberto Breccia, e em 1976, mais uma no traço de López.

No Brasil, O Eternauta saiu pela editora Martins Fontes, em 2012. Essa edição de L’Éternaute – Le Retour é em francês e saiu na França esse mês. [Via TuJáViu]

Cofre: Ícone do underground Zap Comix ganha box de luxo

zapcomix

Uma das revistas mais importantes para as HQs underground dos EUA, a Zap Comix vai ganhar um volume de luxo com todas as edições reunidas. Quem lança é a Fantagraphics, nos EUA.

As 16 edições originais estarão reunidas pela primeira vez em uma caixa, com dois volumes em capa dura. A 17ª edição, que nunca chegou a ser lançada, também faz parte do pacote. Ao todo são 920 páginas com trabalhos de nomes como Robert Crumb, Wilson, Gilbert Shelton, entre outros.

Toda essa belezura custa caríssimo, como já podem imaginar. Sai por 500 dólares, o que é insanamente caro para um livro. Mas, caso seja comprado na pré-venda, sai pela “bagatela” de US$ 308,46. A previsão de lançamento é novembro deste ano.

Resta sonhar por uma edição nacional desse material, que poderia ganhar uma proposta mais econômica por aqui. Algumas histórias da Zap saíram no álbum Zap Comix, que a Conrad lançou em 2003.

zap

Cofre: A ponte do Hip Hop e quadrinhos na obra de Ed Piskor

hiphop

Ed Piskor é um autor pouco conhecido no meio dos quadrinhos, mas bastante importante dentro da cena underground como o maior quadrinista do hip hop. Seu livro Hip Hop Family Tree ganha agora uma reedição pela Fantagraphics com o primeiro volume das histórias feitas por Piskor desde os anos 1970.

Piskor foi essencial para fazer a ponte entre os quadrinhos e a cena hip hop e também foi essencial por registrar o crescimento dessa cultura em Nova York nos anos 70 e como isso chegou ao mainstream. E Piskor não ameniza: estão ali a violência, a segregação racial, e outros assuntos tratados pelo rap até hoje.

Hip Hop Family Tree tem 112 páginas em seu primeiro volume e custará 24,90 dólares. Pode ser comprado pelo site.

hip2

Página 1 de 4

Jazz Metal é um blog da Revista O Grito!. Todos os direitos reservados. © 2013–2017