Revista O Grito!

Jazz Metal — Por Paulo Floro

Tag: Fantagraphics

Histórias perdidas de Steve Dikto ganham nova edição

dikto

A anunciou um volume de luxo com histórias clássicas de , desenhista que ficou conhecido por ser um dos criadores do Homem-Aranha ao lado de . Strange Suspense traz histórias obscuras do artista em uma época de maior liberdade criativa nos quadrinhos dos EUA, pré-Fredric Wertham e seu código de conduta dos quadrinhos.

Strange Suspense: The Steve Ditko Archives Vol. 1 tem 240 páginas e custa R$ 28.99 (importa para o Brasil).

dikto2

Fantagraphics inicia financiamento coletivo para HQs de 2014

fanta2

Já postei tanto sobre a aqui neste blog que nem preciso mais dizer que a editora americana é uma das melhores do mundo no lançamento de quadrinhos. Agora, ela é mais uma que adere ao financiamento coletivo.

A editora abriu uma campanha no Kickstarter para financiar grande parte dos seus lançamentos em 2014. A meta a ser alcançada é de US$ 150 mil. Já nos primeiros dias, o retorno foi excelente. E agora, com 23 dias faltando para terminar as contribuições, já foram levantados 145 mil.

A editora planeja 39 lançamentos, com nomes como , , , , , , , , , , e Gilbert e Jaime Hernandez. Nada mal. As edições, em sua maioria, contam com ótimo acabamento e capa dura, com diversos extras.

Assim como muitas outras editoras, a Fantagraphics também foi afetada pela crise financeira. Além disso, o fundador da casa, , morreu em decorrência de um câncer de pulmão, o que tornou 2013 ainda mais complicado para os editores.

É possível contribuir com valores a partir de 1 dólar. Para receber todos os lançamentos em casa, é preciso doar US$ 1.250. Há também valores que dão direito a conhecer a rotina da produção de HQs na sede da Fantagraphics.

fantagraphics

fanta3

Cofre: Krazy & Ignatz: The Complete Sunday Strips 1916-1924, de George Herriman

A acaba de anunciar o tijolo que toda coleção de respeito deveria ter. Krazy & Ignatz: The Complete Sunday Strips 1916-1924, de George Herriman traz o início da legendária tira. Em 600 páginas em preto e branco, o livro reúne os primeiros nove anos da tira dominical lançada nos EUA.

Para aumentar ainda mais a distonia entre os fãs, a coleção tem design assinado pelo quadrinhista Chris Ware. Entre os bônus estão hitórias raras, 10 tiras coloridas e prefácio explicativo da importância da HQ. é uma das tiras mais famosas no mundo e foi publicada até 1944. A história mostra um triângulo amoroso esquisito, com traços de nonsense e surrealismo.

O livrão de capa-dura tem 600 páginas e custa 95 dólares. E este é o primeiro de três volums. Vende aqui.

Maior guia sobre Queer Comics em 2012

A Fantagraphics, uma das maiores editoras de quadrinhos alternativos do mundo anunciou para fevereiro do ano que vem o livro No Straight Lines: Four Decades of Queer Comics, editado por . Com capa dura e 304 páginas, tem tudo para ser a mais importante obra do gênero já publicada.

O gênero “queer” tem sido pesquisado em diversas formas de arte, com mais ênfase no cinema, mas sempre esteve presente em todo tipo de mídia. O termo para muitos já está caduco, mas serve como forma de identificação para o público de que aquela obra traz referências para seu universo particular. É uma coisa de cultura, na minha opinião, ainda bem pertinente.

E temos excelentes quadrinhos nessa seara. O livro traz nomes como (Fun Home), Ralf König (das HQs de humor como O Homem Ideal), David Wojnarowicz, Howard Cruse, entre outros. O organizador do livro, Hall quer mostrar que esses quadrinhos ligados ao mundo LGBT chegaram ao mainstream e tornaram-se famosos em jornais e grandes editoras. Antes, estiveram confinados a fanzines, lojas de artigos gays e jornais para esse público.

Para quem gosta de história, pesquisar o universo gay ou simplesmente ama quadrinhos e as infinitas possibilidades que ele pode gerar, esse livro é um tesouro. Vai custar 40 dólares segundo o site da editora.

Jazz Metal é um blog da Revista O Grito!. Todos os direitos reservados. © 2013–2019