gaiman

postou essa raridade em seu Tumblr (descobri graças ao Erico Assis).

Comentários