Mulher-Gato e seu corpo impossível

foi a nova vítima da famosa pose “back-breaking”, em que é mostrado peitos e bunda em uma mesma imagem. A capa da edição zero do título da heroína, desenhado por Guillen March, levantou debates sobre a exploração do corpo feminino nos quadrinhos. A imagem acima seria impossível de existir em qualquer universo.

Para criticar a atitude da emissora e também para fazer graça com o absurdo do desenho, o site Comics Alliance chamou artistas para reinterpretar o desenho, imaginando como seria o esqueleto da Mulher-Gato se esta pose realmente fosse possível. Os resultados – como o mostrado abaixo – são hilários.

Comentários

Leia Mais
Site de HQs Mistiras em crowdfunding no Catarse