na coluna da Mônica Bergamo, na Folha de S. Paulo de ontem.

No lançamento de seu blog, anteontem, o cartunista Ziraldo disse que, embora esteja publicando charges com temas políticos na página, não pretende “esculhambar” o presidente do Senado, (PMDB-AP). “Sou muito amigo dele, é difícil fazer. Tenho que tomar cuidado para não magoá-lo nem à dona Marly nem à filha dele. O chargista ideal, quando o amigo vai para o poder, teria que cortar relação.” Ziraldo afirma, no entanto, que não irá defender “qualquer gesto político criticável” no blog.

E no mesmo dia, em seu blog, divulgado com muito alarde em São Paulo.

Comentários