Iza no seu ateliê em Olinda. (Foto: Diego Di Niglio /Divulgação).

Iza no seu ateliê em Olinda. (Foto: Diego Di Niglio /Divulgação).

A artista plástica Iza do Amparo ganha mostra no museu Murillo La Greca, no Recife. A exposição resgata a evolução do trabalho da artista desde a década de 1970 até os dias atuais.

A artista é conhecida por suas composições geográficas em superfícies como tecidos, carimbos e adesivos, além de suas telas sempre com um quê de “arte inacabada”. O que pouca gente sabe é que esse trabalho começou com fichas de romaneio, onde Iza do Amparo iniciou seus testes embrionários de disposição de cores. E é esta parte menos conhecida de Iza que destaca a exposição Fichário, que será aberta neste sábado, dia 4 de outubro, a partir das 16h, no Museu Murillo La Greca, no bairro do Parnamirim, no Recife.

A mostra traz uma retrospectiva das obras da artista, nascida na Bahia e radicada em Pernambuco, e que foram produzidas nas últimas três décadas. O público será convidado a navegar numa linha do tempo, onde poderá ser observado o desenvolvimento da técnica que tornou Iza do Amparo um dos nomes mais conhecidos das artes plásticas no Estado. A exposição ficará aberta à visitação pública no período de 7 de outubro a 9 de novembro, de terça à domingo.

Ateliê Iza do Amparo_foto Diego Di Niglio Divulgação ICEI Brasil

Fichário traz 85 intervenções gráficas feitas pela artista em fichas de romaneio. Nesse trabalho, a então estudante de arquitetura na Bahia, Maria Luiza, realizou intervenções de composição de pintura utilizando lápis hidrocor e tintas para montar os desenhos geométricos. A proposta de apresentar essas peças é fazer o público perceber a relação do trabalho iniciado com os fichários ainda na década de 70, e o que é desenvolvido hoje por Iza do Amparo.

Além dos fichários, serão expostos 10 quadros pintados em tela, além de documentos pessoais de Iza do Amparo, e textos de críticos e artistas sobre a sua obra. A visitação vai até dia 9 de novembro nos horários de terça a sexta, das 9h às 12h e de 14h às 17h; sábados e domingos, das 13h às 17h. O Museu Murillo La Greca fica na rua Leonardo Bezerra Cavalcanti, nº 366, Parnamirim, Recife.

Sem mais artigos