Michael Jackson e " data-image-description="" data-medium-file="https://i2.wp.com/revistaogrito.com/wp-content/uploads/2011/03/Michael-Jackson-e-Freddie-Mercury.jpg?fit=300%2C279" data-large-file="https://i2.wp.com/revistaogrito.com/wp-content/uploads/2011/03/Michael-Jackson-e-Freddie-Mercury.jpg?fit=490%2C456" src="http://www.revistaogrito.com/page/wp-content/uploads/2011/03/Michael-Jackson-e-Freddie-Mercury.jpg" alt="" width="490" height="456" size-full wp-image-23295" srcset="https://i2.wp.com/revistaogrito.com/wp-content/uploads/2011/03/Michael-Jackson-e-Freddie-Mercury.jpg?w=490 490w, https://i2.wp.com/revistaogrito.com/wp-content/uploads/2011/03/Michael-Jackson-e-Freddie-Mercury.jpg?resize=150%2C140 150w, https://i2.wp.com/revistaogrito.com/wp-content/uploads/2011/03/Michael-Jackson-e-Freddie-Mercury.jpg?resize=300%2C279 300w" sizes="(max-width: 490px) 100vw, 490px" />

E o mercado fonográfico póstumo parece não ter fim, principalmente quando se trata de Michael Jackson. Três canções feitas em parceria dele com o também cantor e falecido Freddie Mercury (Queen) serão lançadas este ano. O anúncio foi feito pela gravadora Epic Records.

Compostas em 1983, uma delas é a versão demo da música State Of Shock, que foi lançada em 1984. Completam o repertório Victory e There Must Be More To Life Than This, até agora nunca ouvidas pelo público. [Marta Souza]

Sem mais artigos