hiphop

Family Tree, uma das HQs mais importantes lançadas nos EUA em tempos recentes, vai ganhar edição brasileira pela Veneta. O título em português será e chega às livrarias e lojas especializadas nas próximas semanas.

Há ainda um segundo tomo, que deve ganhar edição em 2017, segundo apurou o Vitralizado. A obra monta um panorama do hip hop ao longo dos últimos 40 anos. Pela pesquisa meticulosa e resgate histórico, a HQ tornou-se um épico e tem ajudado a salvar a memória de um dos movimentos culturais mais importantes do Ocidente.

O livro reúne histórias feitas por desde os anos 1970. Piskor foi essencial para fazer a ponte entre a cultura hip hop e as HQs e também foi por registrar o crescimento dessa cultura em Nova York até sua chegada ao mainstream. Entre os temas abordados pelo autor estão a violência policial, a segregação, o racismo institucional, entre outros. Escrevemos sobre a edição americana, da Fantagraphics, quando saiu nos EUA em 2013.

Hip Hop Genealogia terá 128 páginas, capa dura e custará R$ 94,90.

Leia também: Crítica – Ghetto Brothers e a gênese do hip hop

hiphop2

Sem mais artigos