spiderman

O universo 2099 não é unanimidade entre os leitores da Marvel. Muitos acham a história uma reciclagem mal explicada da cronologia da editora. Mas, muitos outros viram nos títulos uma ousadia pouco vista nos quadrinhos dos anos 90 (década não muito boa para as HQs americanas). Agora, a Panini aposta nesses saudosistas com o lançamento de Homem-Aranha 2099: Início.

A edição encadernada segue o mesmo formato da recém-lançada Tormento e A Morte de Jean DeWolf. Segundo o blog UniversoMarvel616, A revista tem cerca de 220 páginas e custará R$ 22,90. Esse primeiro arco traz as 10 primeiras histórias da versão futurista do Homem-Aranha.

Nesse universo, o Homem-Aranha é um homem chamado Miguel O’Hara e trabalha para uma megacorporação chamada Alchemax. Ele ganha seus poderes após um trágico experimento de aprimoramento genético. Tira um pouco a graça esmiuçar a origem do herói, mas na versão cyberpunk da Marvel ainda fazem parte uma trama de conspiração e dependência de drogas.

Escrito por Peter David e desenhado por Rick Leonardi (#sdds), a série foi um dos melhores títulos do universo 2099, que foi publicado por aqui pela editora Abril. Ainda não há informações da data oficial de lançamento.

HOMEM-ARANHA 2099_INÍCIO.indd

Sem mais artigos