helder

O músico , que fez parte do , está de volta ao circuito musical depois de 12 anos atuando no meio das artes cênicas. O espetáculo solo inédito Eu Sou será apresentado nos dias 17, 18 e 19 de junho, e encerra a trilogia de solos apresentada na “Ocupação Helder Vasconcelos”, no Sesc Pompeia, de 01 a 19 de junho, abrangendo teatro, dança e música. Ele também lança seu primeiro disco autoral, Sambador.

“Eu sou” conta com direção do músico-ator natalense Marco França e traz músicas do CD “Sambador”. Em cena, Helder faz uso de instrumentos de percussão, fole de 8 baixos, voz e instrumentos digitais que são ao mesmo tempo de música e dança, criados em parceria com os produtores tecnológicos João Tragtenberg e Filipe Calegário.

Com letras e músicas compostas por Helder, o disco tem como principais parceiros Marco França e Johann Brehmer, que assinam com ele a produção musical e dividem os arranjos e execução das músicas. O CD – que foi viabilizado por uma campanha de financiamento coletivo – conta ainda com participação especial de Renata Rosa na voz, Junior Areia no baixo acústico e Laura Tamiana e Poliana Savegnago no coro.

“Para a criação do novo espetáculo, o desafio maior foi querer com ele voltar ao circuito musical, que tem uma forma muito consolidada de funcionar. A pergunta-chave era como fazer algo que fosse um espetáculo cênico e que também atendesse às expectativas de quem saísse de casa pra ver um show de música”, diz Helder.

Helder Vasconcelos foi um dos fundadores do Mestre Ambrósio, uma das referências do movimento manguebeat nos anos 1990, tocando com o grupo por mais de dez anos. Desde 2004, em carreira solo, Helder atua prioritariamente nas artes cênicas e criou os outros dois espetáculos que compõem a trilogia da programação: “Espiral Brinquedo Meu” (2004), de teatro, e “Por Si Só” (2007), de dança.

Helder Vasconcelos é formado nas tradições do Cavalo Marinho e do Maracatu Rural, manifestações populares da Zona da Mata de Pernambuco. Dirige e atua no grupo Boi Marinho, que participa do carnaval pernambucano há 17 anos. Venda de ingressos no site do SESC.

Veja também o TEDx de Hélder.

Sem mais artigos