Incrível como a gripe suína, já dispersa em ao menos um país em cada continente e com mais de 30 mortos, chegou a todos os níveis mundiais. Afetou a economia como a importação, o turismo com a cautela de contágio e agora o cinema, que atrasa as suas estreias.

De olho em um dos mercados mais lucrativos na exibição, o México, Hollywood pode adiar algumas estreias na América Latina. O novo Harry Potter, previsto para junho, pode adiar – mais uma vez – caso os mexicanos continuem proibidos de sair nas ruas para conter o contágio da gripe, mesmo que apenas por precaução.

X-Men Origens – Wolverine
, que teve estreia mundial, ainda não estreou por lá e talvez atrase ainda mais, previsto para chegar dia 14. A continuação de O Código Da Vinci, Anjos e Demônios, está sem previsão, entre muitos outros.

Sem mais artigos