Cena do filme romeno Child's Pose (Divulgação)

Cena do filme romeno Child’s Pose (Divulgação)

O filme romeno Child’s Pose (Poziţia Copilului, no original), de Călin Peter Netzer, foi o vencedor do Urso de Ouro do Festival de Berlin, em um júri presidido pelo cineasta Wong Kar Wai. O longa era favorito e ainda rendeu troféu de melhor atriz à protagonista Paloma García. A trama conta a luta de uma mãe pelo seu filho depois que este mata um menino por acidente.

O Urso de Prata ficou com o americano Prince Avalanche, de David Gordon Greene. An Episode in the Life of an Iron Picker, do bósnio Danis Tanovic, também bastante comentado, venceu o Grande Prêmio do Júri e ainda melhor ator para Nazif Mujic, catador que reencenou sua própria história de vida quando sua mulher perdeu o bebê, e em situação de grande pobreza, quase perde a vida por não conseguir pagar uma cirurgia.

Veja abaixo a lista de indicados (Via G1 e Sound+Vision).

Berlim 2013:
Urso de Ouro para o melhor filme – “Child’s Pose,” de Calin Peter Netzer (Romênia);
Urso de Prata para melhor diretor – David Gordon Green por “Prince Avalanche” (EUA);
Grande Prêmio do júri – “An Episode in the Life of an Iron Picker,” de Danis Tanovic (Bósnia);
Urso de Prata para melhor atriz – Paulina García, do Chile, por “Gloria”;
Urso de Prata para melhor ator – Nazif Mujic, da Bósnia, por “An Episode in the Life of an Iron Picker”;
Prêmio Alfred Bauer – “Vic+Flo Saw a Bear,” de Denis Cote (Canadá);
Urso de Prata por melhor roteiro – “Closed Curtain,” roteiro de Jafar Panahi (Irã);
Urso de Prata por contribuição artística – Aziz Zhambakiyev;
Menção especial – “Promised Land”, de Gus Van Sant;
Menção especial – “Layla Fourie,” de Pia Marais;
Prêmio de primeira apresentação – “The Rocket,” de Kim Mourdant (Austrália);
Urso de Ouro de melhor curta-metragem – “The Runaway,” de Jean-Bernard Marlin (França);
Urso de Prata de melhor curta-metragem – “Remains Quiet,” de Stefan Kriekhaus (Alemanha);
Urso de Ouro honorífico: o francês Claude Lanzmann.

Sem mais artigos