Cena de "La Casa Del Fin Del Mundo". (Divulgação).

Cena de “La Casa Del Fin Del Mundo”. (Divulgação).

O Festival de Cinema Venezuelano em Recife, ocupa o cinema São Luiz nos dias 13, 14 e 15 de dezembro para apresentar a recente produção audovisual da Venezuela. Nos longas deste ano estão presentes sucesso de bilheteria, crítica e prêmios em festivais internacionais.

Outro destaque desta edição é a notória melhora na qualidade da imagem e do som, produto da modernização dos equipamentos do Cinema São Luiz.

Entre os filmes estão Azul e Não Tão Rosa (Azul y no Tan Rosa), Prêmio Goya como Melhor Filme Ibero-americano em 2014, de diretor , que estará na cidade de Recife para prestigiar a abertura do Festival. Completam a seleção de filmes venezuelanos Piedra Papel o Tijera de Hernán Jabes e La Casa del Fin de los Tiempos de Alejandro Hidalgo.

A entrada é gratuita.

Sem mais artigos