colplay-materia-expectativa-2.jpg

TÁ QUENTE
2008 chegou e promete o mais novo álbum do Colplay. Mas o que será do quarto trabalho de uma das maiores bandas do planeta? O Grito! inicia nesta edição série de matérias que comentam lançamentos aguardados
Por Mariana Mandelli

Já disseram que será lançado no começo, no meio e no fim de 2008. Já deram o nome de Prospekt e divulgaram uma suposta tracklist. Também espalharam que Brian Eno e Timbaland ajudariam na produção das faixas, além de dizerem que o novo álbum só vai ter nove faixas experimentais gravadas na acústica de igrejas européias.

Entre tantas suposições, somente uma coisa é certa: a pressão sobre os ombros de Chris Martin, vocalista e pianista do Coldplay, deve estar chegando, a essa altura do campeonato, a níveis estratosféricos. Sua banda é hoje, sem dúvidas, uma das maiores em atividade no planeta, e as expectativas em torno do quarto álbum acompanham a imensidão do sucesso do grupo. Em dez anos de carreira recém completados, milhões de discos foram vendidos – só o terceiro e último trabalho, X&Y (2005), vendeu 8,3 milhões de cópias.

colplay-materia-expectativa-1.jpg
“Surto criativo”: Coldplay tem a chance de remodelar a carreira em novo disco

O quarteto inglês formado por Martin, Jonny Buckland (guitarra), Guy Berryman (baixo) e Will Champion (bateria) é mais uma dessas bandas que se formou na faculdade. O primeiro álbum, Parachutes (2000) arrancou elogios dos críticos e até hoje provoca suspiros mundo afora com “Don’t Panic”, “Yellow” (o primeiro hit) e “Shiver”. O segundo, A Rush of Blood to the Head (2002), considerado o melhor da banda pela crítica, é permeado pelos maiores hits da carreira do Coldplay: “In My Place”, “God Put a Smile Upon Your Face”, “The Scientist” e “Clocks”. Quando achava que tinha o mundo nas mãos, o grupo lançou X&Y, mais pesado nas guitarras e cheio de efeitos, que dividiu a crítica, mas foi novamente um sucesso de público. O disco foi considerado limitado e cansativo – ou seja, “menos do mesmo”.

Agora, três anos depois, a banda se prepara para lançar seu quarto e tão esperado trabalho. Diversos boatos, de todos os tipos, já circularam pela mídia a respeito do disco. Em 2007, a NME publicou uma notícia dizendo que Timbaland iria ao Reino Unido para produzir o álbum, juntamente a Brian Eno, que está no projeto desde o início.

Além disso, foi divulgado que o álbum teria influências latinas. Duas razões para isso: quase todo o processo de gravação foi realizado em Barcelona, Espanha, e a passagem da turnê Twisted Logic por México, Chile, Argentina e Brasil no ano passado.

coldplay_1600.jpg
Martin: “A pressão funciona como um catalisador”

O lançamento estava previsto para 19 de maio. Dave Holmes, empresário da banda, disse à Billboard no fim de fevereiro que o disco, ainda sem nome oficial divulgado (a banda negou o nome Prospekt), deve sair a qualquer momento do verão do hemisfério norte. “Temos um grande plano pela frente”, anunciou Holmes. Ele ainda disse que esse é, na sua opinião, o melhor disco do grupo, com “letras realmente fantásticas”.

Em bilhetes escritos a mão e disponibilizados no site oficial da banda, Martin conta com a própria caligrafia os últimos passos para a conclusão do trabalho. “A mixagem está sendo meio lenta e dolorosa, mas é a natureza da coisa. Dê-nos apenas mais um mês ou algo assim e teremos um álbum pelo qual valeu esperar”, escreveu. Em setembro, foi publicado que o álbum teria apenas 42 minutos. “Aguardem um disco curto e conciso, sem gorduras, e outras duas canções lançadas fora do álbum”, anunciaram. Pressionado, Martin admitiu que os prazos acabaram por impulsionar a banda, originando um “surto criativo” – o que resultou em canções como “Famous Old Painters” e “Glass of Water”. “É como se a pressão funcionasse como um catalisador”, disse Martin.
Apesar dos boatos, o mistério ainda perdura – o que é digno de admiração no mundo internético de hoje. Alguns meses ainda separam o mundo do novo disco do Coldplay que, sendo o melhor da carreira – como foi prometido – ou não, com certeza dará muito o que falar.

SAIBA MAIS
http://www.coldplay.com/
http://www.myspace.com/coldplay

Sem mais artigos