Nesta peça, o público vai acompanhar a jornada dos nordestinos que vão para o sudeste do Brasil em busca de melhores condições de vida, em estórias que beiram o real e o ficcional.

O espetáculo conta com a nova cena autoral de teatro e música pernambucana, com atuação de Endi Vasconcelos, do filme “A Morte Habita à Noite”, de Eduardo Morotó, Maria Laura Catão, da peça “Bailei na Curva” (RJ) e Bruna Castiel, conhecida pelos trabalhos em “A Filha do Teatro”, de Antônio Rodrigues e a montagem de “Rei Lear”, dirigida pelo carioca Moacir Chaves.

Na peça, se problematiza o que é o Nordeste e o que é ter uma vid melhor. Esses e outros dilemas são levantados no enredo, que conta da  jornada de ida e volta dos nordestinos para o Sudeste do país, fazendo com que o público viaje junto e descubra um Nordeste mais humano, real e nada caricato, desconstruindo a imagem estereotipada que habita no preconceito popular.

As atrizes experimentam diversos personagens que juntos montam um mosaico para contar histórias de pessoas que deixam o lugar de origem em busca dos próprios sonhos (Foto: Divulgação/ Lucas Leônidas)

Com a direção do premiado Samuel Santos, conhecido pela adaptação de “A Terra dos Meninos Peladas”, de Graciliano Ramos; canção inédita de e direção musical de , o espetáculo entra em cartaz vai de abril a maio, no .

Serviço:

Dias: 06, 12 e 26 de abril e 03 de maio

Horário: 20h

Ingresso: R$30 (inteira) e R$15 (meia), podendo ser comprado na bilheteria do teatro e on-line, no Sympla.

Sem mais artigos