A dupla cearense Acidum está à frente da identidade visual do Rec-Beat 2019 que, assim como em edições anteriores, traz artistas para criar uma obra inédita para o festival que ocorre entre os dias 2 e 5 de março, durante o Carnaval. A programação é totalmente gratuita e contará com nomes nacionais e internacionais no tradicional palco do Cais da Alfândega, no Bairro do Recife.

Conhecidos pelo trabalho de arte urbana no Brasil e no exterior, Robezio Marqs e Tereza Dequinta trabalham com muralismo e se destacam pela estética surrealista e o repertório de seres obscuros, lendas urbanas e cenários oníricos, vieses que se conectam com a proposta do Rec-Beat. O duo também atua nas áreas de design, fotografia, graffiti, tatuagem e projetos audiovisuais. As obras estão espalhadas em murais e fachadas de edifícios de diversas cidades, algumas em festivais de arte urbana como o Mural Festival, em Montreal, no Canadá.

As construções criativas do Acidum têm como características a estética surrealista e o repertório de seres obscuros, lendas urbanas e cenários oníricos. O trabalho do Acidum é muito pautado por uma arte urbana, aberta e acessível, o que é algo que se conecta com a proposta do Rec-Beat.

O Festival Rec-Beat acontecerá entre 2 e 5 de março de 2019, durante os quatro dias de Carnaval da capital pernambucana. A programação é gratuita e traz nomes nacionais e internacionais no palco no Cais da Alfândega, no Bairro do Recife.

O festival também confirma, pelo segundo ano consecutivo, edição especial em Caruaru, no dia 23 de fevereiro na Estação Ferroviária, com uma prévia do que acontecerá no palco principal do Recife.

Em breve o festival anunciará as primeiras atrações.

Sem mais artigos