Vencedora da terceira temporada de Ru Paul’s Drag Race, a drag queen Raja é uma das que mais subvertem o gênero. Artista perfomático, ela usa referências de moda de alta costura, cinema independente e um certo tom obscuro em suas produções. Seguindo carreira de cantora pós-reality show, ela acaba de lançar um novo clipe, “Sublime”.

São oito minutos de uma superprodução, em que Raja contracena com sua contraparte masculina, Sultan. A direção é de Andreas Anastasis, videomaker que já trabalhou com Moby. Este “Sublime” é a mais interessante produção de drags reveladas por Ru Paul.

Raja é ousada a ponto de transformar drags em um estilo artístico que ainda pode surpreender.

Sem mais artigos