Do Soc! Pow! Tum!

Leão Negro é uma produção nacional que surgiu em 1987 e chegou a ser lançada no Brasil, sem contudo receber o merecido reconhecimento. Há 2 anos a HQM Editora iniciou o relançamento deste maravilhoso trabalho e desde então havia lançado três álbuns, mas chega agora às comic-shops brasileiras outras duas edições deste fantástico cenário.

Em 2008 a editora lançou dois títulos: Leão Negro e Leão Negro – Série Origens nos quais o leitor poderia conhecer tanto o material original de Leão Negro quanto o trabalho inédito para a série.

Em Leão Negro as histórias são protagonizadas por Othan, um mercenário canalha e violento, pai de vários filhos bastardos e nascido em uma família de nobres, a Família da Pata. O título traz o material produzido no final dos anos 80 pela criadora e escritora Cynthia Carvalho e pelo desenhista Ofeliano de Almeida. Já em Leão Negro – Série Origens as histórias são protagonizadas pela nova geração de leões negros, Pepah, Kasdhan e Hartan, os filhos bastardos de Othan. O título traz material inédito e é escrito pela mesma autora e ilustrado por Danusko Campos.

Para quem não conhece as histórias dos leões negros se passam em um mundo sem nome formado por três continentes que pouco contato tem entre si: Canopia, a terra dos lobos; Hi-Ha, terra das hienas e Felix, território dos felinos e onde situa-se a ilha de Gardo, região dos leões negros. Neste mundo não há magia ou poderes especiais, sendo tudo decidido pela força das garras e pela lâmina das espadas.

Sobre o início da saga a HQM Editora havia lançado somente Leão Negro – Série Origens vol. 1: Gardo, no qual é mostrado o lar de Othan e seu amor, a leoa Tchí. Neste mês, porém, a editora lança o segundo volume da série, Leão Negro – Série Origens vol. 2: O Filhote. Nesta edição de 56 páginas em preto e branco veremos o destino do primeiro filhote de Tchí e Othan após ele ter descoberto a existênca de um filho que nem imaginava existir.

Leia matéria completa no blog de quadrinhos da Revista O Grito!

Sem mais artigos