Repetindo a pró-forma de todos os anos, vários artistas brasileiros foram indicados para o Grammy Latino. Das centenas de categorias, os destaques ficaram por conta de Diogo Nogueira e Roberta Sá, que concorrem em Revelação e a Nação Zumbi, indicada a Melhor Capa pelo álbum Fome de Tudo, com direção de arte de Jorge Du Peixe e Valentina Trajano.

Como se o país já não fosse indicada em diversas categorias – inclusive Melhor Música Cristã (sic), o Grammy dedica, inclusive, uma categoria indicada só a música brasileira. Confira quem concorre este ano.

Melhor Álbum Pop Contemporâneo
“Ao vivo no estúdio”, de Arnaldo Antunes
“Música nova”, de Danni Carlos
“Sim”, de Vanessa Da Mata
“Inclassificáveis”, de Ney Matogrosso
“Romance”, de Rosa Passos

Melhor Álbum de Rock
“Ritmo, ritual e responsa”, de Charlie Brown Jr.
“Cidade cinza”, de CPM 22
“O retorno de Saturno”, de Detonautas Roque Clube
“Fome de tudo”, de Nação Zumbi
“(Des)concerto ao vivo” – , de Pitty

Melhor Álbum de Samba/ Pagode
“Canta o samba da Bahia ao vivo”, de Beth Carvalho
“Sambista perfeito”, de Arlindo Cruz
“Acústico MTV”, de Paulinho Da Viola
“Estação Melodia”, de Luiz Melodia
“Samba meu”, Maria Rita

Melhor Canção
“Acode”, de Vanessa Da Mata e Sergio Mendes
“Coisas que eu sei”, de Danni Carlos
“Delírio dos mortais”, de Djavan
“Ela une todas as coisas” de Jorge Vercillo
“Som da chuva”, de Marco Moraes e Soraya Moraes

Melhor Álbum de Música Popular
“Dentro do mar tem rio”, de Maria Bethânia
“Chico Buarque Carioca – Ao vivo”, de Chico Buarque
“América Brasil – O disco”, de Seu Jorge
“Omara Portuondo e Maria Bethânia”
“Que belo estranho dia para se ter alegria”, de Roberta Sá
“Multishow ao vivo – Cê”, de Caetano Veloso

Melhor Álbum de Música Romântica
“Acústico II – Volume I”, de Bruno & Marrone
“Difícil não falar de amor”, de Daniel
“Coração bandido”, de Leonardo
“.Com você”, de César Menotti & Fabiano
“Senhora raiz”, de Roberta Miranda

Melhor álbum de Música Contemporânea Regional ou de Raízes
“Esse som vai te levar – Ao vivo”, de Harmonia do Samba
“Qual assunto que mais lhe interessa?”, Elba Ramalho
“Pés no Brasil, cabeça no mundo”, do Trio Curupira
“26 anos de estrada”, de Trio Virgulino
“Ao vivo em Uberlândia”, de Victor & Leo

Melhor Álbum de Música Tradicional Regional ou de Raízes
“50 anos de Mariachis e grandes sucessos sertanejos”, de Pedro Bento & Zé Da Estrada
“Fandando”, de Renato Borghetti
“Companheiro é companheiro”, de Cezar & Paulinho
“Grandes clássicos sertanejos – Acústico I”, de Chitãozinho e Xororó
“Toda vez que eu dou um passo, o mundo sai do lugar”, de Siba E A Fuloresta

Sem mais artigos