Para comemorar os dez anos da inauguração do UCI Ribeiro Tacaruna, no Shopping Tacaruna, a Rede UCI e o Grupo Severiano Ribeiro programam uma mostra especial com longas inéditos no Recife. De 15 a 18 de setembro, sempre às 19h30, serão exibidos os filmes As Aventuras de Molière, de Laurent Tirard; Um Crime Americano, de Tommy O’Haver (EUA|2007); Reflexos da Inocência, de Baillie Walsh (Inglaterra|2006) e Deserto Feliz, de Paulo Caldas (Brasil, Alemanha|2007). Este último, vencedor de Gramado é um dos mais aguardados filmes da nova safra do cinema pernambucano e continua inédito.

Na segunda-feira (15/09) será exibido As Aventuras de Molière, de Laurent Tirad. Os roteiristas Laurent Tirard e Grégoire Vigneron imaginaram a trama deste longa-metragem, com Moliére aos 22 anos, algo obscurecido pelas biografias.

Baseado numa história verdadeira que chocou o estado de Indiana, Estados Unidos, em 1965, Um Crime Americano, de Tommy O’Haver’, será exibido na terça-feira (16/09). O filme conta os episódios em torno da família de Gertrude, mãe solteira de sete crianças, que faz o que pode para conseguir sustentar os filhos e manter sua sanidade mental. Ela passa a ser remunerada para cuidar de duas filhas de um casal, e passa a torturar a mais velha, interpretada por Ellen Page.

Na quarta-feira (17/09) acontece a exibição de Reflexos da Inocência, de Baillie Walsh. Joe Scot, interpretado por Daniel Craig, é um astro de cinema em crise, que vive uma vida sem regras a base de excessos como álcool, drogas e sexo. A notícia repentina da morte de seu melhor amigo de infância faz o ator, perdido em sua realidade, voltar a um passado que lhe incomoda, devido a algumas passagens vividas durante a adolescência agitada e cheia de loucuras para a época.

Para fechar a mostra, na quinta-feira (18/09), será exibido o longa Deserto Feliz, de Paulo Caldas. No filme, Jéssica é uma jovem de 14 anos que vive em Deserto Feliz, uma cidade do sertão pernambucano. Após ser violentada pelo padrasto, sob o olhar cúmplice de sua mãe, ela decide fugir para Recife. Ao chegar à cidade ela passa a trabalhar no turismo sexual, até conhecer o afeto através de Mark, um turista alemão. O filme ganhou quatro Kikitos de Ouro no Festival de Gramado – Melhor Filme – Júri Popular, Melhor Diretor, Melhor Fotografia e Melhor Direção de Arte. Recebeu também o Prêmio da Crítica.

Sem mais artigos