SUSPENSE MORNO
Desejo e Perigo é um filme tecnicamente impecável, mas se perde no tom melodramático e no suspense enfadonho
Por Rafael Dias

DESEJO E PERIGO
Ang Lee
[Se Jie, EUA/China/ Hong Kong/ Taiwan, 2007]

Antes é preciso afirmar que Ang Lee possui uma versatilidade em trafegar por diferentes estilos de se fazer cinema que poucos detêm – pelo menos propõe a ser. Soube muito bem, por exemplo, migrar da comédia cult (Banquete de casamento) para o drama romântico (Razão e Sensibilidade), passando pelas artes marciais e a beleza estonteante de O Tigre e o Dragão, e, depois, desembocar no western gay melancólico (Brokeback Mountain). A mesma destreza com que subverte gêneros distintos não se repete em Desejo e Perigo (Se Jie, EUA, China, Taiwan, Hong Kong, 2007), sua mais recente produção, que deve chegar aos cinemas brasileiros mês que vem. Classificado como thriller erótico pelas distribuidoras, o filme apresenta um suspense morno em uma história em que o dramalhão romântico se sobrepõe ao ritmo da ação policial.

Vencedor do Leão de Ouro da 64ª Mostra de Cinema de Veneza, ano passado (o que fez assegurar o segundo troféu para Lee, que também levou por Brokeback), Desejo e Perigo é um filme tecnicamente impecável. Classudo, como compete ao estilo perfeccionista do diretor, a produção se esmera na fotografia e na direção de arte para remontar à China do século passado durante a 2ª Guerra Mundial. É, em si, um cinema made in Hollywood, com uma narrativa convencional e sem grandes solavancos. A reconstituição histórica com figurinos e cenários de época suntuosos são condizentes e impressionam pela fidedignidade.

Sobra apuro estilístico, faltam, no entanto, punção e uma agilidade no roteiro que possa atrair a atenção do espectador para as mais de duas horas e meia de projeção. Embora algumas cenas de luta sejam bem construídas, no geral a trama de espionagem perde densidade e se torna enfadonha. Sobressai-se a história de amor entre a jovem estudante Wong Chia Chi (com a atriz estreante Wei Tang, numa atuação apenas correta) e Yee (Tony Leung, ator onipresente nos filmes de Wong Kar-Wai, e aqui mais uma vez genial). A impressão é de que Lee tem mais intimidade com dramas românticos e, por isso, preferiu dar mais ênfase ao casal. Mas, pelo tom um tanto melodramático, o filme perde seu brilho e fica no mais-do-mesmo.

Baseado no romance da chinesa Eilen Chang, Desejo e Perigo narra uma história que mescla nacionalismo chinês e paixão em plena 2ª Guerra. Antes de assumir o nome de ativista, Wong se chamava Mak Tai-Tai, uma mulher sofisticada que fugiu do interior da China para se mudar para Shangai e escapar da invasão japonesa. Na nova cidade, ela irá conhecer um grupo de universitários e participar de atividades de teatro e de resistência política. Junto com os amigos, irá se filiar à luta estudantil. Nesse ínterim, conhece Yee, integrante rival do exército japonês, jurado de morte pelo grupo. Ela, com a missão de armar uma tocaia para matá-lo, acaba se envolvendo em um jogo de amor perigoso para ambos.

Lá no exterior, onde já estreou, o filme causou polêmicas pelas cenas de violência fortes (um homem é morto a vários golpes de canivete por um bando) mas sobretudo pelas cenas de sexo. Nos Estados Unidos, a produção só foi exibida nas salas sob a restrição para menores de idade. Na China, foi pior. Os censores da República Popular da China fizeram um corte de 30 minutos no rolo original de 156 minutos. A atriz Wei Tang foi banida do país por protagonizar as cenas quentes. As imagens, no entanto, em nada têm de chocante. Há algumas insinuações de sadomasoquismo e tomadas longas dos casal na cama, porém tudo é mostrado de uma forma muito elegante e precavida. Não há sexo explícito, como a alcunha “thriller erótico” pressupõe.

À parte das polêmicas, Desejo e Perigo tem pouco sal. Vale pela bela reconstituição histórica e pela preocupação formal em fazer um filme “cinemão” de primeira linha. Na história em si, fica devendo, sobretudo quando quem está na direção é um Ang Lee.

NOTA: 7,5

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=EwZVKx233gk[/youtube]

Sem mais artigos