Red 2: agentes tão cansados quanto o roteiro (Divulgação/Summit Entertaiment)

: agentes tão cansados quanto o roteiro (Divulgação/Summit Entertaiment)

Agentes chegam cansados na continuação Red 2
Sem a surpresa do primeiro filme, a originalidade se perde neste segundo longa, um tanto divertido, mas previsível

É uma pena que o diretor Dean Parisot tenha gasto quase uma hora e meia de clichês e tiradas cansadas para chegar ao que realmente importa neste Red 2 – Aposentados e Ainda Mais Perigoso, que é o desfecho cheio de ação. O filme, que estreou desde sexta (2) em todo o país tenta buscar no sucesso do primeiro filme sua razão de existir.

Mas, apesar dos atores veteranos voltarem com o mesmo afinco em seus papeis de espiões aposentados, a história e o ritmo impressos pelo roteiro fazem do filme uma experiência frustrante para quem se empolgou na originalidade do primeiro longa. Na história, Frank Moses (Bruce Willis) tenta viver sua vida de aposentado ao lado da companheira Sarah (). Tudo muda quando Marvin (John Malkovich, sempre maravilhoso) aparece alertando sobre uma caça aos antigos agentes. Eles precisam então reencontrar velhos parceiros, entre eles Victoria (Helen Mirren) e ainda fugir de inimigos como Han (), um assassino profissional contratado para matar Moses. O longa traz ainda Anthony Hopkins como uma peça chave de uma conspiração que pode acionar uma bomba atômica e Catherine Zeta-Jones como uma espiã russa.

Helen Mirren tirando uma onda (Divulgação)

tirando uma onda (Divulgação)

O problema de Red 2 é sobretudo sua ladainha para chegar aos momentos finais, agora sem o elemento surpresa da estreia. O roteiro fantasioso e pouco crível acaba quebrando o ritmo da narrativa e torna tudo tedioso. Mirren, Malkovich e Willis estão ótimos porque interpretam estereótipos de si mesmos na tela, potencializado pelo tom fleumático de que nada os surpreende, nem mesmo a iminência de uma catástrofe nuclear. Sobra para Mary-Louise Parker a tarefa de levar o filme além de um piloto automático no papel de uma esposa histérica, mas ao mesmo tempo corajosa que não abandona o marido nem mesmo em uma perigosa missão secreta.

Um filme desnecessário do ponto de vista da criatividade. Para os atores, parece evidente em tela a diversão de fazer um filme sem muito esforço artístico como uma tiração de onda. Para o público, faltou mais esforço. [Paulo Floro]

red2RED 2 – APOSENTADOS E AINDA MAIS PERIGOSOS
De Dean Parisot
[Red 2, EUA, 2013 / Paris Filmes]
Com , , Helen Mirren

Nota: 5,0

Sem mais artigos