A Panini vem saciando a sede de colecionadores antigos com versões de luxo dos clássicos da DC Comics. Agora, a editora anuncia uma das mais importantes HQs de Batman, Asilo Arkham, lançada originalmente em 1989. Escrita por Grant Morrison, chamou atenção por propor uma narrativa não convencional, mais focada no terror psicológico, e pelos desenhos bem experimentais de Dave McKean.

McKean, conhecido pelas capas da série Sandman ousou criar uma HQ com técnicas diversas, poluição visual, algum expressionismo, tudo para criar uma sensação de loucura e isolamento dos vilões presos no asilo. A obra chegou a causar controvérsia em seu lançamento pela dificuldade de ser assimilada pelo leitor regular de HQs de super-heróis.

A edição da Panini, em capa dura, vai trazer a HQ na íntegra com comentários de Morrison, layouts originais das páginas e um posfácio inédito da editora Karen Berger. Os preços e o número de páginas ainda não foi informado.

Na história, Batman precisa lidar com uma rebelião dos presos do asilo, liderados pelo Coringa. Os pacientes pretendem liberar os funcionários da instituição, mas apenas se Batman aceitar tornar-se um deles. Morrison conseguiu como nenhum outro roteirista entender a relação de dependência que o Homem-Morcego tem com os seus inimigos. Não por coincidência, todos loucos.

Sem mais artigos