O longa nacional Estrada 47. (Foto: Divulgação).

O longa nacional . (Foto: Divulgação).

Saiu a seleção dos filmes de longa e curta metragens que concorrem na 24ª edição do .

Ao todo foram selecionados 20 filmes. O Brasil participa com três longas: Estrada 47, de Vicente Ferraz, De Gravata e Unhas Vermelhas, de Miriam Chnaiderman e , de Maíra Bülher e Matias Mariani. Das produções internacionais, competem os longas: Dólares de Aréia (de Laura Amelia Guzman e Isrrael Cárdenas, da República Dominicana), Obediência Perfeita, de Luis Urquiza, do México, No soy Lorena, da chilena Isidora Marras, No Robarás… (A Menos Que Sea Necesario), de Viviana Cordero, do Equador e Os Fenômenos, de Alfonso Zarauza, da Espanha.

O Festival Ibero-americano de Cinema será realizado no Theatro José de Alencar, de 15 a 22 de novembro, em Fortaleza.

Além da mostra competitiva, o festival presta homenagem ao cinema argentino. O cineasta Daniel Burman, cuja cinematografia será apresentada ao público, será o grande homenageado deste ano e receberá o troféu Eusélio Oliveira. O cineasta já confirmou presença no evento.

O Cine Ceará é um dos eventos mais importantes do calendário de festivais de cinema do Brasil e uma ótima chance para conhecer a nova produção ibero-americana, sempre à margem das estreias no circuito comercial por aqui.

Sem mais artigos