Fotos: Paulo Floro/Rev.OGrito!

Fotos: Paulo Floro/Rev.OGrito!

* O Galo da Madrugada reuniu hoje 2 milhões de pessoas, segundo dados oficiais. Nos trios que desfilaram e que chegavam na apoteose na Avenida Guararapes, à beira do rio Capibaribe, estavam nomes como Fafá de Belém, Gaby Amarantos (com bem menos show este ano por aqui), Luiza Possi, entre outros.

* Tirando alguns trios que tocaram axé, os músicos que se apresentaram no Galo jogaram com a plateia e mandaram o que o povo queria ouvir. É isso que é Carnaval, certo? A programação dava conta de um trio de música clássica (!!), mas não esperamos para conferir.

* Com menos camarotes que o ano passado (fruto da intensa fiscalização motivada pela tragédia em Santa Maria (RS), alguns espaços vips do desfile pareciam bem entendiados, como um que estava ao lado do Trianon. Porque vieram ao Galo, nos perguntamos. Já no público, um povo bem empolgado. Alguns incidentes, como brigas, mas nada que tirasse o brilho da festa.

galo

* A ressaca do galo está acontecendo cada vez mais cedo, e mais divertida, começando na Conde da Boa Vista e indo até a Av. Cruz Cabugá. Do outro lado, pega a Rua da Concórdia e toda a Dantas Barreto. O que é: muitas pessoas inconformadas com o fim do desfile que iniciam uma segunda festa, com carros de som no alto, gente dançando funk até o chão, cafuçus descamisados, travestis e drags desmontadas. É uma experiência incrível, que muitos desconhecem.

* Um pouco antes do Galo, rolou o café da manhã da diversidade no Pátio de São Pedro. Logo depois, às 17h, as maiores estrelas da cena drag do Recife estiveram no mesmo lugar dando show no que ficou conhecido como a noite mais gay do Carnaval do Recife.

* O Galo este ano estava com um desscode perfeito: prestou homenagem à Naná Vasconcelos e o fotógrafo Alcir Lacerda (reparem na máquina fotográfica no peito). E ainda deu ao público uma surpresa. Este ano, ele ficou girando, dando oportunidade de todos os verem, não importa de onde.

[nggallery id=117]

Sem mais artigos