A cantora francesa Laure Briard lança o novo single “Cravado”, música cantada em português e gravada com a banda Boogarins.

Laure Briard iniciou o ano em Mogi das Cruzes, no Estúdio Mestre Felino, gravando o seu próximo EP Coração Louco. Composto todo em português, o disco traz Benke Ferraz, do Boogarins, assinando a produção e participação dos músicos Dinho, Ynaiã, ambos do Boogarins, e da lendária banda local Hierofante Púrpura. A primeira faixa, “Janela”, foi lançada em abril.

O segundo lançamento, ”Cravado”, é a única música no EP que não é composta por Laure, ela é uma parceria de Dinho com a sua irmã Flávia Carolina da banda Ave Eva. “A música foi um presente para mim”, conta a cantora. “Um presente sagrado. Escutei Dinho tocar a música na guitarra e na mesma hora me apaixonei. E ele simplesmente disse que poderia me dar para gravar. A letra fala muito o que estava sentindo no momento. É muito especial quando uma compositora lê os seus pensamentos e faz uma música, apesar dela não me conhecer”.

Benke, além de produzir, tocou baixo nesta faixa. A parceria da Laure com Boogarins não é mais surpresa, no ano passado realizou ela fez sua primeira turnê pelo Brasil em parceria com o guitarrista Benke Ferraz, do Boogarins. O encontro com a banda de Goiânia tem sido responsável por esse rumo inesperado da cantora. Se conheceram durante o show do SXSW em 2017, tocaram juntos no México, veio pro Brasil e agora ela só consegue compor em português.

“Eu escrevi e compus a minha primeira música em português durante uma noite quente de verão, um pouco antes da minha turnê no Brasil”, conta Laure. “Eu não conseguia dormir. Na época, eu estava aprendendo as músicas Garota de Ipanema e Meditacão de Jobim na guitarra. De repente achei que seria legal criar uma bossa nova com letras em português só por diversão. Eu nunca aprendi português, mas como escutava muita música brasileira as palavras estavam grudadas na cabeça. Já tinha um pouco das letras e melodia e os arranjos finalizamos nos ensaios em São Paulo”. Assim, nasceu “Janela”, a primeira composição em português de Laure.

O último disco de Laure foi Sur La piste de danse (Midnight Special Record/ Burger Records), bastante bem recebido.

Sem mais artigos