cannibal

Café Preto, projeto de inspiração jamaicana de Cannibal, do Devotos, apresenta novidades no Recife. O grupo se apresenta na Creperia Rouge no dia 28 de outubro, a partir das 21h30.

Além das canções do primeiro disco, o show irá incluir algumas incursões em outras searas musicais como uma versão de “Preciso me encontrar”, clássico do cancioneiro popular brasileiro de autoria de Candeia imortalizada na voz de Cartola que ganhou nova roupagem DUB na versão da Café Preto. Além desta, a banda também irá entoar “Gostoso demais” (Nando Cordel), “Boa Vista” (Trindade Club) e “O Samba” (Nanica Papaya).

O show será executado por Cannibal com Pierre Leite (teclados) e a banda de apoio Eric (Baixo), Marquinhos (Guitarra), Christiano Lemgruber (Bateria) e DJ Beto. Bruno Pedrosa, integrante oficial do trio original formado por Pierre e Cannilbal, está no Rio de Janeiro compondo bases para o próximo álbum, Café Preto, Volume 2.

Em breve a Café Preto deve anunciar o lançamento de um compacto LO-FI em vinil do novo disco. A previsão é que a nova obra ganhe registro de doze canções, das quais oito serão escolhidas para compor a versão final do disco. Lançado em agosto de 2012, o primeiro disco da Café Preto foi uma grata surpresa no cenário pop brasileiro.

Ouça “Dandara”.

Sem mais artigos