POR FAVOR SAIAM DA PISTA!
Alguns artistas e bandas propagam uma longeva despedida como forma de sobrevivência
Por Fernando de Albuquerque

Enquanto alguns artistas fazem de tudo para voltas à baila, outros pedem para continuar no ostracismo, existem aqueles que insistem em permanecer nos palcos. Em fazer parte de um estrelato que nunca lhes pertenceu. Um bom exemplo é o RBD. Com seis integrantes, eles anunciaram a separação ainda em agosto de 2008, mas não sem antes realizar uma turnê de despedida e álbum com mega sucessos. Transformaram seu fim em um sucesso mercadológico e, talvez, ainda seja possível encontrá-los cantando juntos por aí.

Outro que anunciou a separação foi a dupla sertaneja Edson e Hudson. Faz mais de um ano isso e na época o comunicado oficial afirmou que eles deixariam de tocar juntos em 1º de janeiro de 2010 e nesse ínterim preparou uma turnê e dois discos só para esse ano.

Quem mantém uma turnê de despedida desde 2006 é o compositor e ator francês Charles Aznavour, de 84 anos. Ele é considerado o artista do século pela revista Time e pela CNN. Mas três anos em despedida é um pouco demais. Dentre esses “medalhões” quem se recusa a voltar pra casa é Mercedes Sosa, com 72 anos. Essa, vez ou outra, dá o ar de sua graça em shows e campanhas publicitárias.

[+] LEIA MAIS SOBRE A VOLTA DO BLUR
[+] A ZUMBI WALKING DOS ANOS 90
[+] LEIA O QUE JÁ FOI PUBLICADO SOBRE MÚSICA NA REVISTA O GRITO!

Sem mais artigos