Be Your Own Pet (Foto: Michael Lavine/ Divulgação)

Música hiperativa para quem tem pressa
Por Mariana Mandelli

BE YOUR OWN PET
Get Awkward
[Ecstatic Peace, 2008]

Dois anos depois da estréia, a banda formada por Jemina Pearl Abegg (vocal), Nathan Vasquez (baixo), Jonas Stein (guitarra) e John Eatherly (bateria) – que substituíram Jake e Jamin Orrall, respectivamente – volta com um disco novo. Get Awkward acaba de ser lançado e aposta na mesma fórmula de seu antecessor, Be Your Own Pet (2006): faixas curtas, sujas e desesperadas.

O segundo disco da banda formada em 2003, em Nashville, Estados Unidos, ainda mantém as influências que vêm de Stooges e Yeah Yeah Yeahs, passando por Sonic Youth, Ramones, The Donnas e Pixies. Get Awkward conta com a fúria dos vocais de Abegg (que não economiza nos gritinhos), riffs viciantes, pancadas energéticas na bateria e letras que falam de obsessões, paranóia e tédio, formando uma mistura ideal de garage rock, noise pop e punk.

Exemplos dessa “música hiperativa” presentes no disco não faltam: “The Kelly Affair”, “Blummer Time”, “Bitches Leave” e “Zombie Graveyard Party” são divertidas e dançantes. Os momentos mais punk ficam por conta de “Food Fight” e “What’s Your Damage”, enquanto o pop domina faixas como “You’re a Waste” e “Creepy Crawl”. Destaque também para as excitantes guitarras de heavy rock de “Twisted Nerve”.

NOTA: 7,5

Be Your Own Pet – “Kelly Affair”

[audio:04-be_your_own_pet-the_kelly_affair.mp3]

Sem mais artigos