Mais descontraído, Batman se renova em desenho animado, deixando de lado o clima sombrio do passado
Por André Azenha, colaboração para a Revista O Grito!, de São Paulo

BATMAN: OS BRAVOS E DESTEMIDOS VOLUME 1
Ben Jones, Brandon Vietti, Michael Chang
[Batman: The Brave and the Bold, EUA, 2009]

Esqueça o que tem sido feito para a tevê nos últimos vinte anos sobre Batman. Os Bravos e Destemidos é uma série de desenho animado que estreou no Brasil em abril de 2009 no Cartoon Network e que deixa de lado o tom sombrio e soturno de várias histórias recentes do personagem, para retomar o ambiente colorido e descontraído da série de TV live action dos anos 1960 e dos gibis feitos por Dick Sprang nos anos 1940.

Sai o uniforme negro, usado pelo herói no elogiado seriado animado dos anos 1990 e nos filmes do cinema, e retornam a roupa cinza e a capa e capuz azuis. As tramas realistas dão lugar a aventuras fantasiosas, passadas em outros planetas. A forma como cenário e personagens são desenhados é simples e a trilha sonora é dançante. Trata-se de um veículo para o público infantil. Fãs mais velhos podem não gostar.

Este DVD reúne os quatro primeiros episódios da série (“A Ascensão do Besouro Azul”, “Terror na Ilha Dos Dinossauros”, “Ameaça no Fundo do Mar”, “A Invasão Dos Papais Noeis Falsos”), que é baseada numa HQ homônima.

Neles, o homem-morcego atua em conjunto com diferentes heróis do Universo DC, como o Arqueiro Verde e o Besouro Azul e logo parte para a porrada contra seus inimigos. Ainda que utilize algum humor, há bastante ação. O produtor Sam Register, inclusive, definiu esse Batman como um “Adam West com culhões”. Não traz extras.

André Azenha é jornalista, editor do CineZen Cultural.

Sem mais artigos