Quem se apresenta nesta quarta-feira (13) no UK Pub, em Boa Viagem, é a banda Eddie. Mezzo olindense, mezzo recifense, a atração é a escolhida para comandar a programação especial das férias no meio da semana. O Original Olinda Style executado pela banda também está programado para o Festival de Inverno de Garanhuns,na próxima sexta-feira (15).

Com o trabalho mais recente, Carnaval no Inferno, a banda, surgida há mais de 15 anos, no coração da cidade histórica de Olinda, já rodou boa parte do país. O grupo é formado por Fabio Trummer (voz e guitarra), Rob (baixo), Urêa (voz e percussão), André (teclados) e Kiko (bateria). Os músicos misturam ingredientes do rock, reggae, dub, samba e frevo para fazer uma dançante batida sonora.

Desde o começo, a idéia deles era fazer um som movido a experimentos: música brasileira, mais três acordes, misturando influências étnicas e muita diversão. Pixies, Ramones, Dead Kenneds, as divagações da música jamaicana, os estúdios, as técnicas, repetições, as lições do jazz, a poesia da Bossa, a “maloqueiragem” dos pernambucanos, as facilidades e possibilidades que as gravações proporcionam, a mistura de pessoas diferentes, musicalidades diferentes, escolas diferentes, um processo de mutação permanente… Tudo isso, com o passar do tempo, foi dando a cara da banda, segundo os próprios integrantes.

“Passamos por vários palcos, vivendo numa das cidades mais ‘fervilhantes’ e ricas em diversidade e espontaneidade, dividindo mesa de bar com todos os oradores do Mangue bit, com os tradicionalistas da rica tradição do Estado, todos os loucos e visionários que as cidades têm como recheio, prato cheio pra quem quer vadiar e fazer música, bons ingredientes para estar sempre à procura da identidade própria, de tentar apontar outros caminhos, exercitar a liberdade pessoal”, revela Fabinho.

Sem mais artigos