Charme Chulo (Foto: Eduardo Ribeiro/ Duvulgação)

NÃO VERÁS ANO NENHUM COMO ESSE
2007 foi o ano-chave para a música independente nacional
Por Igor Filus, especial para O Grito!

2007 foi certamente o melhor ano para as novas bandas nacionais e independentes desde o bum do mp3 e da internet. E como previsto nos anos anteriores, o meio independente tem se firmado, feito seu barulho e está começando a ser reconhecido pela midia e atraindo mais e mais público. No fundo, trata-se de uma nova cultura que está se estabelecendo e os bons trabalhos vão ganhando espaço e marcando sua época naturalmente.

Acredito que um reconhecimento maior desta vez demorará mais tempo pra acontecer, por se tratar de um processo com características de crescimento progressivo e não do dia pra noite como ocorreu com o rock oitentista.

Para o Charme Chulo, por ter sido o ano em que lançamos o primeiro album da banda, conseguimos dar o maior passo desde de nosso sugimento em 2003. Estreamos em mais de 20 cidades e iniciamos o nome da banda em quase todas as capitais do centro-sul do nosso país, sem contar os ótimos festivais independentes onde passamos. Terminamos 2007 satisfeitos e já compondo o segundo disco para 2008. A continuidade dum trabalho é o segredo que eu vejo para qualquer banda que se preze e que realmente tenha algo a dizer, é isso o que realmente importa, o resto deve ser consequência e não o contrário, como muitos de nós musicos acabam achando.

* Igor Filus é vocalista da banda Charme Chulo.

Sem mais artigos