Álbum nacional apresenta história de terror inusitada
Por Paulo Floro

A CASA AO LADO
Diogo César (texto) e Pablo Mayer (arte)
[HQM, 60 págs, R$ 14,90]

O mote “casa mal-assombrada e desaparecimentos misteriosos” tinha tudo para ser uma alavanca para o clichê de histórias de terror. Mas o álbum A Casa Ao Lado não pode ser chamada de quadrinho de terror, e muito menos é feita de chavões. Seus autores, Diogo César e Pablo Mayer, pouco mais de vinte anos, souberam dosar referências das tramas de mistério com bom humor e uma pitada de realismo fantástico (sobretudo o final surpreendente). Nessa sucessão de acontecimentos absurdos, a dupla criou uma HQ onde tudo é verossímel, até mesmo a existência de uma casa mal-assombrada na periferia de Joinville.

É nesta residência tenebrosa que se passa a maior parte da trama. Jorge é o protagonista que procura pelo filho desaparecido dentro da casa. Desempregado e divorciado, investigar as reais casas e ser vítima de um suposto terremoto era tudo o que ele menos queria em sua rotina. Num roteiro que tem pretensão em ser divertido, Diogo César conseguiu envolver o leitor na história. Mesmo com pouco tempo para uma melhor construção dos personagens, A Casa Ao Lado é um álbum que se vale por sua narrativa dinâmica, sem soslaios.

Além da narrativa, é também o argumento que proporciona ao leitor afeição pelo livro. Direto, a série de fatos levam ao final com grande reviravolta. É um recurso usual, mas muito eficiente.

A edição não tem muito luxo, mas é um detalhe sem importância diante da inovação que o desenhista Pablo Mayer propõe no álbum. O traço realça o clima de mistério, mas não está preso à radicalismos de gênero. O tom de verde-limão usado em todo o livro é ao mesmo tempo perturbador e cômico. Numa HQ que carrega tantas boas novidades, não se pode esquecer de citar a iniciativa da HQM em publicar o álbum, o que mostra que novos autores brasileiros têm muito a acrescentar no mercado de quadrinhos.

NOTA: 8,0

[+] ENTREVISTA COM OS AUTORES PABLO MAYER E DIOGO CÉSAR

Sem mais artigos