Cena do filme A Árvore da Vida, de Terrence Malick, vencedor de Cannes (Foto: Divulgação)

Um dos mais controversos filmes desta edição do festival de Cannes venceu a Palma de Ouro, o mais prestigiado dos troféus do evento. Dirigido pelo misterioso cineasta Terrence Malick, A Árvore de Ouro é estrelado por Sean Penn e Brad Pitt. O longa chegou a ser vaiado em sua primeira exibição, mas isso não impressionou os jurados.

O prêmio do Júri foi para a cineasta francesa Maiwenn, pelo filme Polisse. Já o Grande Prêmio ficou no empate: Once Upon A Time in Anatolia, de Nure Bilge Ceylan e The Kid With A Bike, dos irmãos Dardenne dividiram a vitória.

Melancolia, do polêmico e agora persona non-grata Lars Von Trier venceu o prêmio de melhor atriz para Kirsten Dunst. Jean Dujardin ficou com melhor ator por The Artist. Quem venceu melhor diretor foi Nicolas Winding Refn por Drive.

O Camera d’Or foi vencido por Pablo Giorgelli, por Las Acacias e Joseph Cedar, de Footnote venceu melhor roteiro. O melhor curta ficou com Maryna Vroda, por Cross.

Sem mais artigos