Equipe de 12 Anos de Escravidão: hype cresce para o Oscar (Foto: Jordan Strauss/ Invision For Producers Guild)

Equipe de : hype cresce para o Oscar (Foto: Jordan Strauss/ Invision For Producers Guild)

Saiu ontem os prêmios do Sindicato dos Produtores dos EUA, o . Gravidade e 12 Anos de Escravidão dividiram o troféu na categoria principal, o que complicou tudo na corrida para o Oscar em março. Foi o primeiro empate em 25 anos.

Leia Mais: Corrido do Oscar
12 Anos de Escravidão vence o Globo de Ouro
Trapaça ganha o SAG Awards

Veja a lista de estreias do Oscar 2014 no Brasil

Além desse prêmio dividido, o PGA ainda premiou como melhor animação e We Steal Secrets: The Story Of WikiLeaks como melhor documentário. Breaking Bad ganhou como melhor série de TV de drama e Modern Family como comédia.

Em geral, o vencedor do PGA se repete no Oscar, como ocorreu nos últimos seis anos. Foi o caso de Argo, que começou ano passado como uma azarão, mas saiu triunfante da premiação da Academia após vencer o PGA e o Globo de Ouro. Trapaça, de David O. Russell ainda segue forte depois de ter vencido o SAG Awards, do Sindicato dos Atores. Mas sua maior força vem das atuações.

12 Anos de Escravidão, um drama violento sobre um homem transformado em escravo, dirigido por Steve McQueen; e Gravidade, de Alfonso Cuarón, sobre dois astronautas tentando driblar a morte no espaço, pareceram mais completos aos olhos dos produtores do sindicato.

Nessa corrida que é a temporada de premiações, no próximo sábado acontece o DGA, prêmio do Sindicato dos Diretores de Hollywood. Alfonso Cuarón, Steve McQueen e David O. Russell, voltam a se enfrentar.

Sem mais artigos