Por André Azenha

007 – CASSINO ROYALE
Martin Campbell
[Casino Royale, EUA, 2006]

Esqueça a versão cinematográfica de 1967, uma espécie de paródia (disponível em DVD). 007 – Cassino Royale representa o recomeço de uma franquia que até esta produção estava em queda livre, culminando no péssimo 007 – Um Novo Dia para Morrer (2002).

Embora já tivesse trabalhado na série (007 Contra Goldeneye, 1995), o diretor Martin Campbel radicalizou. Aposentou o James Bond charmoso de Pierce Brosnan e as cenas de foguetes e lasers para dar lugar a cenas verossímeis de ação e principalmente a um espião truculento, sem medo de sangrar, interpretado por Daniel Craig. O ator é um anti-galã baixinho e orelhudo, mas esbanja músculos e testosterona (sem deixar de lado uma inteligência acima da média) e vestiu como ninguém o smoking de Bond.

O reinício da trajetória do personagem nos cinemas foi total, pois o filme apresenta a primeira aventura do agente, a partir do momento em que vira um “00” (espião com licença para matar). É a missão clássica do livro em que Ian Flemming estréia James Bond: derrotar o banqueiro de organizações terroristas LeChifre (Mads Mikkelsen) num jogo de pôquer – no cassino que dá nome à história. Para tanto, acaba se envolvendo amorosamente com Vesper Lynd (Eva Green – Bondgirl completamente diferente das anteriores, charmosa, e que não precisa de um corpo siliconado para esbanjar sensualidade), sua parceira e “fiadora” na missão.

Ação de tirar o fôlego, o longa inova ao usar técnicas de um esporte chamado “parkour” (utilizadas também em “13º Distrito” e “Ong Bak”) para dar intensidade às perseguições e conta com ótimo elenco, que ainda tem Judi Dench como a chefona M e Jeffrey Wright vivendo o espião Felix Leiter. Destaque ainda para o compositor David Arnold, em sua quarta participação na franquia, que guarda, de forma inteligente, o tema clássico de Monty Norman para momentos chaves do personagem. Tudo isso ajudou a criar um novo clássico.

O próximo longa da série, Quantum of Solace, tem trama que continua a história (algo que ocorre pela primeira vez na franquia) deste filme, e estréia mês que vem nos cinemas brasileiros.

NOTA: ???


Trailer

Sem mais artigos